8 Comments Add yours

  1. Edna C. Maia diz:

    Cássio, achei fantástico este diálogo, nos faz refletir sobre essa questão da generalidade e massificação dessa vertente de pensamento. Não deixei de dar boas risadas.

    Liked by 1 person

    1. Edna, que bom receber a sua visita no blogue! E fico contente que você tenha apreciado o diálogo. As maiores vítimas de certas generalizações corriqueiras são aqueles/as que historicamente têm sido jogados à margem da sociedade, que apresentam um extenso histórico de violências sofridas por motivos vários, mas que, conforme essas generalizações, são transformados em algozes. Por isto, devemos combater e resistir sempre.

      Gostar

  2. NOTA EXPLICATIVA:

    O objetivo do diálogo era mostrar ao meu pai (e ao leitor também) efeitos de sentido acionados por falas cotidianas. Ademais, eu atentava para como generalizações são feitas em torno de segmentos populacionais, repercutindo negativamente. Quero dizer: certas práticas discursivas afetam negativamente uns segmentos populacionais mais do que outros, principalmente quando repetidas acriticamente. É isto que, por vezes, eu tento alertar os meus pais, quando estamos em contato e quando eles me relatam algumas situações. Quero mostrar-lhes que nós somos as principais vítimas de alguns discursos.

    Nesse sentido, ontem, relendo o texto, inculquei-me com o trecho “Não se engane: se não somos negros e pobres, não somos brancos e ricos”. Percebi que, infelizmente, o trecho acionava um sentido racista e não era a minha intenção. Talvez a simples mudança de posição dos adjetivos resolvesse o problema que eu detectei. Escrever “pobres e negros, ricos e brancos” pode acionar sentidos diferentes de “negros e pobres, brancos e ricos”. Porém, entre uma e outra possibilidade de leitura que ocorreria ou não, eu refleti e analisei que a falta do trecho não prejudicaria a apreciação do diálogo. Logo, decidi por sua supressão.

    Agradeço a compreensão daqueles que já o haviam lido.

    Gostar

  3. Jean diz:

    Kkkk adorei o texto! Gostei do seu pai nessa. E essa preocupaçao deles nao terem comentado nada ainda…vc ta generelazindo algo? (Kkkkk sorry, nao podia perder a piada)

    Liked by 1 person

    1. Jean diz:

      Ops….* Generalizando.

      Liked by 1 person

    2. Ele está um pouco sem paciência para os meus telefonemas, será?

      Gostar

  4. MARCOS SANTOS diz:

    Muito bom rindo muito aqui com estas crônicas do cotidiano bjs

    Liked by 1 person

    1. Papai e mamãe ainda não me disseram nada. Será que eles também gostaram? Risos. Obrigado pela visita-leitura, Marcos. Beijos.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s